Jornal São Paulo Zona Sul

Vila Mariana sedia debate sobre Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes

Na terça, 28 de agosto a Vila Mariana sedia a Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, em âmbito regional. O objetivo é avaliar/discutir, formular e deliberar, junto ao Sistema de Garantia de Direitos e a população em geral, a implementação e monitoramento da Política Nacional e o Plano Decenal dos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes na cidade de São Paulo.

As conferências regionais dividem-se em lúdicas e convencionais. As lúdicas preveem a participação de crianças, adolescentes de 6 anos até 17 anos e 11 meses e acompanhantes (adultos) e as convencionais, somente de adultos. O foco é mobilizar e articular crianças e adolescentes para refletirem, debaterem e proporem, a partir do que está disposto no Estatuto da Criança e do Adolescente, sobre a temática deste ano: “PROTEÇÃO INTEGRAL, DIVERSIDADE E ENFRENTAMENTO DAS VIOLÊNCIAS”. O evento, gratuito, é aberto à população.

A conferência está dividida em eixos temáticos:

  • EIXO I: Garantia dos Direitos e Políticas Públicas Integradas e de Inclusão Social 
    a proposta é estimular o diálogo sobre as estratégias necessárias para promover a articulação intersetorial, a  transversalidade e a integração das políticas voltadas à garantia dos direitos de crianças e adolescentes. Além disso, proporciona a discussão sobre a garantia de políticas sociais, enfatizando a importância de um olhar do Estado para públicos específicos e de maior vulnerabilidade.
  • EIXO II: Prevenção e Enfrentamento da Violência Contra Crianças e Adolescentes
    O objetivo é debater a prevenção e o enfrentamento das diversas formas de violência, como letal, sexual, física e  psicológica. Também pretende ampliar as discussões sobre enfrentamento do racismo, da misoginia, da xenofobia, da descriminalização contra população em situação de rua, da LGBTFobia e da intolerância religiosa. Com esse eixo temático, espera-se ainda discutir a violência institucional em todas as esferas, principalmente em escolas, segurança pública, unidades socioeducativas e instituições de acolhimento.
  • EIXO III: Orçamento e Financiamento das Políticas para Crianças e Adolescentes 
    A ideia é avançar no debate sobre as formas de ampliar os recursos destinados a crianças e adolescentes nas  diversas áreas do governo, bem como aprimorar a gestão desse orçamento. Outro ponto é diversificar e ampliar as formas de financiamento dos Fundos dos Direitos da Criança e do Adolescente (Nacional, Estaduais, Distrital e  Municipais), além de garantir uma gestão efetiva e a melhor aplicação dos valores arrecadados.
  • EIXO IV: Participação, Comunicação Social e Protagonismo de Crianças e Adolescentes
    Com esse eixo temático, espera-se identificar as ações necessárias para garantir que crianças e adolescentes possam participar das discussões e deliberações de políticas públicas nas esferas municipais, estaduais, distrital e nacional. Esse debate abrange questões sobre o direito à participação e envolve temas como liberdade de expressão, utilização das novas tecnologias de informação e comunicação, além da garantia de que as especificidades culturais e identitárias dos diferentes segmentos sejam consideradas nos espaços participativos.
  • EIXO V: Espaços de Gestão e Controle Social das Políticas Públicas de Promoção, Proteção e Defesa dos Direitos das Crianças e Adolescentes 
    A proposta deste eixo é aprofundar as discussões sobre o papel dos Conselhos de Direito (municipais, estaduais, distrital e nacional) na gestão da política e do orçamento destinado a crianças e adolescentes. Além disso, propõe-se uma análise sobre o impacto dos espaços de participação social (Conselhos, Conferências, Fóruns e etc.) no fortalecimento da própria democracia, bem como a necessidade de incluir crianças e adolescentes nos processos de gestão e controle social das políticas públicas.

A Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente da Cidade de São Paulo 2018: “Proteção integral, diversidade e enfrentamento às violências” acontece no dia 28 de agosto, terça, no Sesc Vila Mariana (Rua Pelotas, 141 – Vila Mariana)

A Conferência Convencional será das 9h às 12h e a Conferência Lúdica, das 13h30 às 17h

Para se inscrever, basta acessar o link: http://bit.ly/CMDCA2018

Comentar

WhatsApp chat Receba as edições por WhatsApp!