Siga-nos

Pets

Zona Sul tem postos para vacinação antirrábica gratuita

Publicado

em

campanha vacina anti rábica

Já há alguns anos., a Prefeitura deixou de promover a campanha de vacinação antirrábica para cães e gatos, que normalmente acontecia no mês de agosto. A alegação era de baixo número de doses enviadas pelo Ministério da Saúde.

Mas, ainda é possível imunizar gratuitamente os animais de estimação contra a raiva, que está erradicada no município desde a década de 1980. Há postos que funcionam o ano todo. E, dessa vez, a Prefeitura também criou alguns pontos volantes que vão funcionar até dezembro próximo, mas em períodos alternados.

Um deles fica no Ipiranga, na altura do número 301 da avenida Nazaré, próximo ao posto de bombeiros do Ipiranga. Ali, a vacinação vai acontecer até dia 15 de setembro; depois novamente entre 6 e 20 de outubro, 3 e 17 de novembro, e 1º e 15 de dezembro, sempre das 9h às 14h30.

Há ainda um endereço na zona leste: na subprefeitura da Penha, acesso pela rua Mandu, 451, às quartas-feiras, exceto em feriados, das 9h30 às 16h.

Postos fixos

Além dos postos voltantes, há outros endereços onde a vacinação acontece o ano todo.

Na zona sul paulistana, existem os seguintes endereços:

– Uvis Cidade Ademar – rua Maria Cuofono Salzano, nº 185, de segunda a sexta-feira, das 8h às 15h;

– Uvis Jabaquara – rua Genaro de Carvalho, nº 101, de segunda a sexta-feira, das 8h às 15h;

– Uvis Parelheiros – rua Cristina Schunck Klein, nº 23, de segunda a sexta-feira, das 9h às 15h;

Pets saudáveis

A vacina antirrábica deve ser aplicada a partir dos três meses de idade no animal e é fundamental, por ser a única forma de prevenir a doença.

“É importante que a população se dirija até um posto e vacine o seu animal de estimação, pois a imunização é fundamental para o controle da doença e bem-estar da população e dos pets”, afirma Thiago Kenji Matsuo, veterinário do Núcleo de Vigilância Epidemiológica (NVE).

Animais com diarreias, em tratamento ou convalescendo de cirurgias devem aguardar a recuperação.

Cuidados ao vacinar

Cães e gatos devem ser conduzidos por pessoas capacitadas. Cachorros bravos ou mordedores, de qualquer espécie, devem utilizar focinheira apropriada. Os felinos precisam ser transportados em caixas para esse fim e em segurança. Após a vacinação, o tutor deve oferecer água e alimentação ao animal normalmente.

Advertisement
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2021 Jornal São Paulo Zona Sul - Todos os Direitos Reservados