Siga-nos

Destaques

Vila Mariana amplia rede de atenção básica à saúde

Publicado

em

SUS rede básica

Com a pandemia, ficou ainda mais evidente a importância da rede de atendimento em saúde pública em todo o país. “Defenda o SUS” se tornou um mote de quem ia tomar a vacina ou daqueles que tinham familiares internados pela Covid e tratados pelo Sistema Único de Saúde.

Paralelamente, a região da Vila Mariana ganhou novas unidades de saúde, ampliando as possibilidades de quem não pode recorrer aos sistemas particulares de atendimento.

No finalzinho de 2019, a Prefeitura já havia reinaugurado a UBS Parque Imperial, depois de dois anos fechada por conta de problemas em sua antiga sede.

Em 2021, a região ganhou primeiro uma UPA 24 horas – a unidade funciona, como sugere o nome, para Pronto Atendimento e não deve ser procurada por quem busca consultas de rotina ou para resolver situações não emergenciais. Ainda para atendimento ambulatorial e emergencial, o bairro conta com a AMA Santa Cruz.

Agora, em outubro, a Vila Mariana ganhou uma nova UBS mista, que passou a funcionar em um prédio cedido pelo Governo do Estado ao município, que começou a funcionar no dia 1º deste mês. O local abrigava um Núcleo de Gestão Assistencial (NGA), de gestão estadual. Com ela, a rede municipal de saúde da capital passou a contar com 469 UBSs. 

A Secretaria Municipal de Saúde explica que a UBS Santa Cruz é uma unidade mista, ou seja, com modalidade de atendimento tradicional, composta por clínica médica, pediátrica e ginecológica, além de contar com uma equipe de Estratégia Saúde da Família (ESF), com médico, enfermeiro, auxiliares de enfermagem e agentes comunitários de saúde, que realizam visitas domiciliares. A UBS conta ainda com nutricionista, psicólogo, fonoaudiólogo, fisioterapeuta, farmacêutico, entre outros. São 63 profissionais ao todo. 

A nova unidade, gerenciada pela Organização Social de Saúde (OSS) Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina (SPDM), deve atender cerca de 130 mil pessoas da região sudeste. Tem capacidade para realizar mais de 2 mil consultas por mês, além de oferecer serviços de exames laboratoriais, farmácia, vacinação, testagem rápida, acolhimento, procedimentos diversos como curativos, retirada de pontos, coleta de papanicolau, implantação de dispositivo intrauterino (DIU), além de encaminhamentos para atenção especializada e visitas domiciliares. 

A nova unidade promete desafogar também o atendimento de unidades já bastante conhecidas e frequentadas pela comunidade local.

Na Avenida Ceci, no Planalto Paulista, existe a Unidade Básica de Saúde (UBS) Prof. Milton Santos, também uma unidade mista, ou seja, com atendimento tradicional e com duas equipes de Estratégia Saúde da Família (ESF). A UBS Prof. Milton Santos está localizada em um imóvel conjunto ao Ambulatório de Especialidades Dr. Alexandre Kalil Yasbek, que atende o bairro da Saúde, em conjunto com a UBS Parque Imperial – Prof. Manoel A. S. Saragoça, que também é uma unidade mista, com equipe de Estratégia Saúde da Família (ESF) e equipe consultório na rua.

Já no distrito de Moema, a comunidade conta com outras duas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) Vila Olimpia: Max Perlman e Indianópolis – Sigmund Freud.

A região da Vila Mariana ainda conta com uma unidade especializada: o Centro de Referência em Homeopatia, Medicinas Tradicionais e Práticas Integrativas em Saúde (CRMHTPIS) Bosque da Saúde, que atende pacientes agendados via Sistema Integrado de Gestão de Atendimentos (Siga). O CRMHTPIS oferece atendimento de homeopatia e acupuntura, e desenvolve várias atividades de práticas integrativas.

Confira em nosso site os endereços de todas essas unidades. A Secretaria Municipal de Saúde explica que a população pode escolher livremente em qual unidade da cidade vai buscar atendimento – perto de sua casa, trabalho ou local de estudo.

É possível fazer a busca por tipo de serviço desejado no site buscasaude.prefeitura.sp.gov.br/.

O site também traz endereços, telefones e horários de funcionamento

Advertisement
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

© 2022 Jornal São Paulo Zona Sul - Todos os Direitos Reservados