Siga-nos

Segurança

Prefeitura faz operações em ferro velho

Publicado

em

conseg jabaquara

Está cada vez mais comum – tampas de bueiros metálicas, daquelas que ficam no meio das ruas ou calçadas, são roubadas, prejudicando o trânsito e criando riscos para motoristas e pedestres.  Também há prejuízos e riscos para o trânsito com o roubo de placas metálicas de orientação, fiação de semáforos, grades de proteção para pedestres em viadutos e pontes… E tem ainda grelhas que protegem os bueiros e evitam que lixo seja canalizado para as redes de águas pluviais, contribuindo para enchentes e alagamentos.

Os roubos, aliás, não atingem apenas patrimônios públicos, mas também de empresas e residências, que ficam sem acesso a internet, energia etc.

No Conselho Comunitário de Segurança (Conseg Jabaquara), são frequentes as denúncias, por moradores, de furto de portões, grades, torneiras e outras estruturas de metal, além de fiação. “Percebemos que algo precisava ser feito. E seria com fiscalização em quem faz a receptação desse material roubado”, conta Miriam Bock, que integra o Conselho.

Por isso, a Prefeitura paulistana se aliou à Polícia Civil para promover ações de fiscalização em ferros velhos, para verificar a procedência do material ali vendido.

A venda de material reciclável é essencial para a cidade, contribui para a preservação ambiental e ainda garante redução da ocupação de aterros. Mas, desde que seja feita com materiais efetivamente descartados e para reaproveitamento regular.

Jabaquara

A operação da Subprefeitura do Jabaquara contou com apoio da Polícia Civil e Guarda Civil Metropolitana.

Foram averiguadas tanto a parte administrativa dos estabelecimentos quanto a procedência do material recebido por eles. Um dos estabelecimentos vistoriados foi lacrado, por irregularidades, e o outro atuava corretamente.

“Inibe o crime e aumenta a segurança”, aponta o delegado responsável pelo comando da operação, Glaucus Vinicius da Silva, titular do 35o. Distrito Policial, no Jabaquara. Ele afirma que as ações vão continuar e que essa sinergia entre as ações administrativas da Prefeitura com a investigação policial são essenciais para ampliar a segurança da população.

O subprefeito do Jabaquara, Tiago de Almeida Machado, diz que é orientação do prefeito Ricardo Nunes que sejam desenvolvidas ações desse tipo por toda a cidade.

Também participaram do planejamento e da ação a delegada Zuleika Gonzales Araujo, titular do 97o. Distrito Policial, e Inspetor comandante Rodrigues, da Guarda Civil Metropolitana.

Segundo a Prefeitura, o entulho e lixo recolhidos nas operações são encaminhados para aterros e, os fios e cabos devolvidos para concessionárias. Já grelhas, grades e tubos de metal, seguem para o depósito da Prefeitura.

 

Leia mais: Semáforos também são vandalizados e têm cabos furtados

Advertisement
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2021 Jornal São Paulo Zona Sul - Todos os Direitos Reservados