Siga-nos

Meio ambiente

Prefeitura ainda não criou pontos para despejar entulho

Publicado

em

Não há previsão para que Ecopontos surjam no Jabaquara e Vila Mariana

A placa estava lá, no terreno de esquina da Rua Afonso Celso com a Avenida Maurício Klabin. Mas, foi retirada. Ali, estava anunciada a futura implantação de um ecoponto, local adequado para descarte regular e legal de entulho. Em fevereiro, o Diário Oficial da cidade publicava a destinação de 150 mil reais para a obra. Mas, seis meses depois, nem mesmo a publicidade expressa pela presença da placa se mantém.

Para o Jabaquara, também está prevista a implantação de um ecoponto, na Rua Opixés, próximo à rodovia dos Imigrantes. No entanto, até agora, nem sinal de obras. Também para este ecoponto, já houve destinação de verba autorizada, publicada em junho no Diário Oficial do Município em junho uma Nota de Reserva com Transferência de 120 mil reais para implantação do Ecoponto Imigrantes. Também não foi criado o ecoponto no local até agora.

Vale lembrar que a criação de 60 novos ecopontos é uma das metas da agenda 2012, documento que reune as promessas de campanha do prefeito Gilberto Kassab, a serem cumpridas durante o mandato que se encerra no ano que vem. Vereadores da oposição recentemente entraram com representação na Justiça questionando a demora na implantação dos ecopontos pela cidade.

Em meados de agosto, o jornal São Paulo Zona Sul questionou o Departamento de Limpeza Urbana (Limpurb) com relação a prazos para que os dois equipamentos comecem a funcionar na região. O Limpurb se limitou a dizer que “já realizou seus respectivos projetos e iniciou os procedimentos necessários para a licitação que contemplará a construção e aquisição de equipamentos para essas unidades”. Coincidência ou não, uma semana depois, o Diário Oficial trazia abertura de processo para contratação de empresa para implantar o Ecoponto Imigrantes. Segundo o edital, os envelopes com as propostas serão abertos na próxima segunda, dia 12.

Para a Vila Mariana, também já houve publicação para tomada de preços do futuro Ecoponto, no mês de abril. Porém, até agora não foi apresentada a empresa vencedora nem houve início das obras previstas.

Enquanto isso, a região contina sofrendo com o despejo irregular de toneladas diárias de entulho…

Advertisement
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

© 2022 Jornal São Paulo Zona Sul - Todos os Direitos Reservados