Jornal São Paulo Zona Sul

Pela primeira vez em 60 anos, Paróquia S. Rita não celebra padroeira presencialmente

Há exatos 60 anos, em 22 de maio de 1960, tomou posse seu primeiro Vigário o Cônego Olavo Braga Scardigno que permaneceu à frente da Paróquia até a virada do século. De lá pra cá, nunca a paróquia deixou de celebrar o Dia da Padroeira. Essa será a primeira vez, por conta da pandemia de coronavírus. Ao menos presencialmente.

O atual pároco, Jorge Bernardes, aconselha que os fieis permaneçam em casa e acompanhem as celebrações, como a recente novena antecedendo o 22 de Maio, pela página de facebook da Igreja .

Desde as 8h, desta sexta-feira (22/05), as imagens da missa já estão no Facebook e outras redes sociais. “Convido vocês a acompanharem em suas casas, com fé e confiança”, declarou o pároco.

A página pode ser acessada em facebook.com/paroquiasantaritamirandopolis/

Festa na praça

Não só as missas foram canceladas. A Praça localizada em frente à paróquia costumava receber uma animada quermesse, não só no próprio dia da Padroeira mas também no fim de semana mais próximo à data, com barracas de comida, jogos para a garotada, comércio aberto e mesas espalhadas para abrigar o animado público fiel. Um dos destaques era a famosa barraca com sanduíches de linguiça.

A praça, que leva o nome da padroeira, fica em frente à igreja, no cruzamento entre a rua das Rosas e Avenida Senador Casemiro da Rocha, em Mirandópolis.

Mas, dessa vez, a festa não vai acontecer, também com o objetivo de evitar aglomerações e proteger a comunidade de fiéis.

Os fiéis podem acompanhar a novena e outras celebrações da paróquia, bem como pronunciamentos do padre Jorge Bernardes pela página do facebook citada a cima.

Histórico

A paróquia e a Igreja de Santa Rita de Cássia de Mirandópolis em São Paulo nasceram do ideal das famílias católicas do bairro.

A comissão inicial para aquisição do terreno e construção da igreja foi formada há mais de 60 anos, em 18 de abril de 1958 sob a autoridade do então bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo – região episcopal do Ipiranga, D. Paulo Rolim Louveiro.

A comissão teve como assistente espiritual o Revmo. Padre Xavier Schmaderes da Igreja Santa Terezinha do Bosque da Saúde à cuja jurisdição pertenceu este Núcleo do bairro.

A paróquia começou a funcionar numa capela improvisada em terreno na avenida Senador Casemiro da Rocha contíguo à área já adquirida pela comissão onde seria construída definitivamente a Igreja Matriz.

Em 12 de abril de 1959 realizou-se a cerimônia do lançamento da pedra fundamental da nova igreja.

E em 22 de maio de 1960 por decreto do Cardeal D. Carlos Carmelo de Vasconcelos Motta, foi erigida a Paróquia de Santa Rita de Cássia, tomando posse com seu 1º Vigário o Cônego Olavo Braga Scardigno que, no natal de 1960, inauguraria o Salão Paroquial sobre o qual se ergueria o pavimento superior da Igreja.

Comentar

WhatsApp chat Receba as edições por WhatsApp!