Siga-nos

Turismo e Lazer

Pavilhão Japonês: vá até lá de ônibus

Publicado

em

Um edifício principal suspenso, que se articula em um salão nobre e diversas salas anexas, salão de exposição, além de um belíssimo lago de carpas. Assim é o Pavilhão Japonês, localizado dentro do Parque do Ibirapuera.

Depois de ter ficado fechado por muitos anos, o Pavilhão foi reaberto em janeiro de 2016. A construção foi um presente do governo japonês para a São Paulo, construído e entregue durante a comemoração do IV centenário da cidade, em 1954. O projeto tem como principal característica o emprego dos materiais e técnicas tradicionais japonesas. Sua estrutura baseia-se na tradicional arquitetura japonesa no estilo Shoin, adotado nas residências das casas dos samurais e da aristocracia.

Baseia-se em composições modulares de madeira. O Pavilhão reúne materiais trazidos especialmente do Japão, tais como as madeiras, pedras vulcânicas do jardim, lama de Kyoto nas paredes,

Abre de quarta, sábado e domingo, das 10 às 12h e das 13h às 17h, somente. Ingressos: R$ 10 (meia R$ 5). Idosos acima de 65 anos e crianças com menos de 4: isento. Para ir ao Ibirapuera, evite o carro: use linhas de ônibus 675N-10 (Terminal Santo Amaro – Metrô Ana Rosa); 775A-10 (Jd. Adalgiza – Metrô Vila Mariana) ou 775C-10 (Jd. Maria Sampaio Metrô Santa Cruz)

Advertisement
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2020 Jornal São Paulo Zona Sul - Todos os Direitos Reservados