Siga-nos

Meio ambiente

O planeta muito além dos 3 R´s…

Publicado

em

O debate sobre proteção ao meio ambiente e a reflexão sobre a responsabilidade de cada um se ampliaram.

Há 20 anos, quando foi promovida a Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente e o Desenvolvimento, mais conhecida por Eco 1992, já se discutia a importância dos 3R´s: Reduzir, Reutilizar, Reciclar. Quando se fala em proteção ambiental e destinação final correta de resíduos, a primeira ideia que vem à mente é a de reciclar, o conceito dos 3 R´s veio para mostrar que em primeiro lugar vêm a conscientização sobre a quantidade que consumimos.
Ao adotar o primeiro R, cada ser humano pensa primeiro em reduzir a quantidade de resíduos que produz. Evitar o desperdício, não fazer compras por impulso, avaliar o impacto de cada item escolhido no supermercado devem ser atitudes cotidianas. Depois, vem ainda o conceito da reutilização, ou seja, saber reaproveitar o que se comprou. É possível, por exemplo, transformar as embalagens em potes domésticos, vasos para plantas… As roupas e todos os outros produtos que já não servem mais podem ser doados a entidades ou pessoas que podem reaproveitar.
A importância desta discussão é tão grande que atualmente as dicas vão além. Agora, são 8 R´s: Refletir, Reduzir, Reutilizar, Reciclar, Respeitar, Reparar; Responsabilizar-se; Repassar. A partir desta edição, quinzenalmente, vamos discutir cuidadosamente cada um destes R´s.

PASSEIOS

Endereços verdes na região


Uma das melhores maneiras de respeitar o meio ambiente e também de ensinar as crianças a preservar recursos naturais é manter contato com o verde constantemente.
Embora a cidade de São Paulo seja considerada “cinza” por muitos, esconde vários redutos e oásis que podem não apenas transmitir lições como garantir momentos de lazer.
Boa dica é ir ao Parque Lina e Paulo Raia, no Jabaquara. Tem 15 mil metros quadrados, fica ao lado da estação Conceição do metrô, o que facilita a locomoção sem uso de combustível e sem complicar ainda mais o trânsito da cidade.
Por ser pouco conhecido, o parque é tranquilo para quem quer ler ou fazer um piquenique com as crianças. E ainda abriga a sede da Escola Municipal de Iniciação Artística, a EMIA, que eventualmente promove apresentações de música ou teatro, além de oficinas artísticas no parque.
R. Volkswagen,s/n. Tel: 5017-6522. Todos os dias, 7h às 18h.

Reutilize

Ama a natureza e gosta de plantas em casa?
Então, reaproveite materiais como garrafas pet, caixas de bebidas longa vida e outras, para ter vasos originais.

 

Entidades locais aceitam doações

Muitas coisas sobram em nossas casas, seja por conta de uma reforma, renovação da decoração, ou simplesmente da compra de produtos para atender necessidades atuais. O que fazer com o que sobrou? Quinzenamente indicamos entidades que recebem os mais diversos tipos de materiais para doação e reaproveitamento.

Brinquedos


Começo de ano é tempo de limpeza. Aproveite para tirar dos armários brinquedos em bom estado que as crianças não usam mais.
A Apae de São Paulo, com sede na Vila Mariana, é uma das entidades que aceita doações de brinquedos e também material escolar. Em grandes quantidades, faz a retirada.
R. Leandro Dupret, 619 – Vl. Clementino. Seg a sex, 9h às 16h
http://www.apaesp.org.br

Material escolar
Todos os anos, sobram lápis de cor, giz de cera, cadernos com poucas folhas usadas, mochilas, estojos… Veja o que dá para reaproveitar e pratique o consumo consciente.
A Ame, no Jabaquara, desenvolve diversos projetos com crianças e adolescentes, inclusive Centro de Educação Infantil. Atua na região do Jabaquara há 38 anos, onde atende cerca de 344 crianças e adolescentes e 1000 famílias locais em situação de alta vulnerabilidade. Aceita também roupas, especialmente para bebês. Retira doações, conforme a quantidade.
Rua Godofredo Braga, 215. Fone: 5588-0599
http://www.ameamoroso.org.br

Sobrou lápis de cor? Doe!

Advertisement
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2021 Jornal São Paulo Zona Sul - Todos os Direitos Reservados