Siga-nos

Coronavírus

Laboratório do Instituto Biológico vai analisar 10 mil testes/mês de coronavírus

Publicado

em

O Museu do Instituto Biológico, na Vila Mariana, está fechado, assim como a exposição Planeta Inseto. A biblioteca não pode ser visitada e nem mesmo o cafezal – considerado o maior cafezal urbano do país – localizado nos fundos do histórico prédio da Avenida Conselheiro Rodrigues Alves. Tudo por conta da pandemia de coronavírus e necessidade de isolamento social. Mas, os trabalhos no Instituto Biológico não pararam. Não só os setores de triagem de exames estão atendendo normalmente, como a unidade agora passará a auxiliar para reduzir a subnotificação de casos de coronavírus no Estado.

Isso porque o Laboratório de Viroses de Bovídeos do Instituto, que possui instalação de Biossegurança nível 3 (NB3), vai ajudar no Diagnóstico. O laboratório recebeu avaliação satisfatória do Instituto Adolfo Lutz, referência do Estado de São Paulo para a Covid-19, para prestar o atendimento durante a pandemia.

Segundo o Secretário de Agricultura, Gustavo Junqueira, os exames poderão ser iniciados após finalizar adequações no laboratório e habilitação de seus técnicos pelo Instituto Adolfo Lutz. A perspectiva é atendimento de dez mil análises por mês, aproximadamente. “Este é um momento em que precisamos trabalhar unidos e todos devem fazer sua parte e auxiliar no que for possível. Com isso em mente, nos mobilizamos para habilitar o laboratório da Secretaria para realizar testes e ajudar no diagnóstico em SP”, destacou o Secretário Gustavo Junqueira.

Segundo a pesquisadora do Instituto Biológico responsável pelo Laboratório, Liria Okuda, duas servidoras do Laboratório de Viroses de Bovídeos passarão por treinamento no Instituto Adolfo Lutz nesta quarta e quinta-feira.

A pesquisadora destaca a importância da harmonização dos testes entre os laboratórios que irão atender o diagnóstico da Covid-19 para evitar erros de interpretação, o que comprometeria os resultados perante a comunidade.

Na área animal, este laboratório é fundamental para o apoio e a execução dos programas sanitários brasileiros, contribuindo para as operações de comércio nacional e internacional. Essa instalação estratégica NB3 permite a manipulação segura de materiais biológicos de origem animal e evita escape de microrganismos que acarretam doenças aos indivíduos. Esse nível de segurança impede, desta forma, o escape desses agentes que poderiam colocar em risco a comunidade com a exposição por inalação. “Essa segurança para as análises animais pode ser transportada agora para as análises relativas à Covid-19. Poderemos contribuir de forma segura”, explicou a pesquisadora Liria Okuda.

O Secretário Gustavo Junqueira ressaltou ainda que todo o time da Secretaria está empenhado e à disposição do estado e da população para trabalhar no combate à pandemia, além de garantir o abastecimento. “Se a curva epidêmica da Covid-19 ocorrer, conforme está sendo previsto, haverá necessidade de chamar mais profissionais da Secretaria para colaborar nesse atendimento. Alguns profissionais que atuam na área de sanidade animal já manifestaram interesse em colaborar. O diagnóstico será realizado de segunda a segunda, para darmos conta do atendimento. As atividades serão iniciadas assim que obtivermos os insumos diagnósticos e, principalmente, os equipamentos de proteção individual”, afirma Gustavo.

O laboratório NB3 foi inaugurado pelo IB em 2016. O espaço recebeu investimentos de R$ 2 milhões do Governo do Estado de São Paulo. O laboratório cumpre os requisitos de Segurança Biológica Nível 3, estabelecidos pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) e é o único do Estado e um dos poucos do País da área animal a ter este nível de segurança. Ele possui acreditação pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (INMETRO) e é credenciado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) para análises virais em animais.

Advertisement
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2021 Jornal São Paulo Zona Sul - Todos os Direitos Reservados