Jornal São Paulo Zona Sul

Instituição Não Aceito Corrupção enfatiza a importância da democracia

No Dia Mundial da Democracia, 15 de setembro, o presidente da Instituição Não Aceito Corrupção enfatiza a importância dos princípios democráticos para uma sociedade mais justa.

Instituído há 13 anos pela Assembleia Geral das Nações Unidas (AGNU), um dos principais órgãos da ONU, o Dia Internacional da Democracia foi criado com o objetivo de promover a defesa e os princípios democráticos.

“A corrupção gera grave efeito erosivo sobre a democracia, cujos pilares devem ser fortalecidos e enaltecidos todos os dias. E uma das melhores maneiras é através do fortalecimento das instituições. Instituições fortes – democracia forte.”, disse Roberto Livianu, presidente da Instituição Não Aceito Corrupção (INAC).

Faltando exatos dois meses para as eleições municipais no Brasil, o tema nunca esteve tão presente junto com a necessidade de debater políticas públicas visando a defesa da democracia para um país mais justo e livre de práticas corruptas.

Sobre o Instituto Não Aceito Corrução (INAC)

Fundada em 2015 e idealizada pelo Promotor de Justiça Roberto Livianu, o INAC é uma associação civil, nacional, apartidária e sem fins econômicos com o objetivo de concentrar esforços estruturados e focalizados no combate inteligente e estratégico da corrupção.

O instituto atua em quatro frentes: pesquisa, políticas públicas, educação e mobilização da sociedade utilizando dados concretos para realizar a discussão profunda, crítica e qualificada de leis e projetos de lei, com a finalidade de contribuir para a edificação e aprimoramento de regras eficientes no enfrentamento do mau uso dos recursos públicos.

Mais informações, acesse: https://naoaceitocorrupcao.org.br/projetos/

Comentar