Jornal São Paulo Zona Sul

Ibirapuera, Aclimação e Independência: parques reabriram nesta segunda

Uma semana depois dos clubes esportivos municipais, chegou a vez de os parques reabrirem seus portões ao público. Mas, para evitar aglomeração e proximidade física entre os visitantes, a Prefeitura anunciou que só 70 dos 108 parques da cidade estarão recebendo público e, ainda assim, apenas em dias de semana, com horário reduzido.

Parques maiores, como o Ibirapuera, vão reabrir das 6h às 16h, somente de segunda a sexta-feira. Já os parques menores autorizados a receber público, vão funcionar das 10h às 16h.

Os visitantes poderão correr, fazer caminhadas, andar de bicicleta, conforme a estrutura de cada parque e suas regras habituais. Já os equipamentos de ginástica estarão interditados, assim como os de playground infantil, e os esportes coletivos não poderão ser praticados – as quadras poliesportivas estarão fechadas. Bolas e outros equipamentos de esportes coletivos não podem entrar.

Os visitantes também devem levar sua própria água ou compra-la nos vendedores ambulantes e restaurantes autorizados dos parques, que também vão retomar atividades. Os bebedouros não estarão disponíveis.

No caso do Ibirapuera, a marquise também estará fechada ao público. Apenas alguns dos portões estarão abertos e haverá controle de capacidade máxima – ou seja, se a vigilância constatar que há muitos visitantes, pode impedir a entrada de mais pessoas. A máscara é obrigatória. Os banheiros estarão aberto e a limpeza será reforçada, segundo a Prefeitura.

Além do Ibirapuera, só o Parque do Carmo também poderá abrir das 6h às 16h.

Em alguns parques que possuem áreas gramadas, há projeto de marcação para que o distanciamento social seja cumprido. Alguns deles receberam o recurso, como o Ibirapuera, Carmo, Burle Marx e Povo, com auxílio da iniciativa privada.

Os parques da Aclimação e Independência também estão na lista daqueles que serão abertos nos próximos dias. Já os parques Trianon, Guarapiranga, Previdência, Nabuco, Lina e Paulo Raia, Cordeiro Martin Luther King, Casa Modernista, Mário Covas e Chuvisco estão na lista dos parques que ainda não poderão iniciar o funcionamento.

A Prefeitura ainda não deu previsão para abertura aos finais de semana ou de todos os parques. Vale lembrar que também a ciclofaixa de lazer deve ser reativada no próximo dia 19 de julho, quando um novo patrocinador assume a operação do projeto.

Comentar

WhatsApp chat Receba as edições por WhatsApp!