Siga-nos

Imóveis

Governo vai vender imóvel do Decap, no Planalto Paulista

Publicado

em

O Governo do Estado de São Paulo está anunciando um “enxugamento da máquina estatal” que vai resultar em privatizações, reforma na estrutura das empresas estatais e, inclusive, venda de vários imóveis na capital e no interior. Entre eles, está um imóvel antigo e que atualmente está com cara de abandono no Planalto Paulista. É um imóvel que pertencia ao Decap – Departamento de Polícia Judiciária da Capital, localizado no número 1700 da Avenida Irerê, no Planalto Paulista.

Detalhe: de todos os imóveis anunciados, esse é o de valor estimado mais alto – cerca de R$ 15,3 milhões de reais.
O imóvel é o item 9 de um Edital de Concorrência publicado na edição de sábado passado do Diário Oficial. Tem área total de terreno de 3.500,00m², com área construída de 2.200,00m², com Transcrição 63941 e 109622 do 14º Oficial de Registro de Imóveis da Comarca da Capital.

Atualmente, não se vê movimento pelo local, que durante muito tempo foi usado como oficina mecânica de automóveis da Polícia Civil.

E, embora o Planalto Paulista seja um bairro que, em sua maior parte, é Zona Estritamente Residencial, onde não pode haver nem prédios nem comércio, o terreno do imóvel do DECAP já está fora da ZER e poderá abrigar outros tipos de uso. O local está em uma ZEMP – Zona Eixo de Estruturação Metropolitana Prevista, que se propõe como uma região de transformação: objetiva a promoção do adensamento construtivo e populacional das atividades econômicas e dos serviços públicos, a diversificação de atividades e a qualificação paisagística dos espaços públicos de forma a adequar o uso do solo à oferta de transporte público coletivo.

No site do governo, o imóvel é descrito como um terreno com edificação térrea de escritório e galpões. Construção térrea em alvenaria com argamassa e pintura, estrutura do telhado em madeira.

O valor pode ser pago com entrada de 10% e o restante em 120 parcelas.

“A venda de ativos imobiliários é uma medida fundamental para reduzir o inchaço da máquina pública. Há muitos imóveis do Governo do Estado parados e sem utilidade, que custam para os cofres públicos. Não faz sentido mantê-los”, declarou o governador em post nas redes sociais, sobre a venda dos imóveis. “É preciso ter eficiência na administração para destinar recursos para áreas essenciais que atendam a população mais humilde”, completou.

A listagem de imóveis – disponível no site imoveis.sp.gov.br ainda traz outros negócios como um imóvel de mais de 13 milhões na Avenida Ricardo Jafet, 1777 – um terreno urbano com área de 3.838m².Ainda na Ricardo Jafet, 2821, há outro terreno de 2.120,00 m², Nº 2821 sendo oferecido pelo valor de R$ 3.990.000.

Todos os imóveis à venda e os detalhes de compra podem ser consultados no site imoveis.sp.gov.br.

Advertisement
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2020 Jornal São Paulo Zona Sul - Todos os Direitos Reservados