Siga-nos

#URGENTE

Governo antecipa vacinação e estende comércio até 23h

Publicado

em

comércio até 23h

Em coletiva há pouco, o governador João Doria anunciou que vai antecipar as datas para vacinação dos moradores do Estado de São Paulo. Para tanto, vai usar, além das vacinas encaminhadas pelo Governo Federal, um lote encomendado diretamente ao laboratório Sinovac de 4 milhões de doses, que chegam ao país ainda neste mês de julho.

Outra notícia positiva é que, embora seja mantida a fase de transição, bares, restaurantes e outras lojas poderão abrir até 23h já a partir dessa sexta-feira, dia 9 de julho.

Na coletiva, o Governo ainda anunciou que vai antecipar a entrega da produção de doses da Coronavac ao Ministério da Saúde, em um mês, cumprindo o contrato completo até 31 de agosto, com 47 milhões de doses a mais, totalizando 100 milhões de doses.

Foi anunciada, ainda, a retomada de aulas presenciais para cursos técnicos e de nível superior para 2 de agosto, ou seja, já no início do segundo semestre.

As boas notícias, segundo Doria, são resultado de melhoria nos índices da pandemia, com redução das internações, casos registrados e óbitos, ao mesmo tempo em que a vacinação avança no Estado.

Calendário

Regiane de Paula, coordenadora do Plano Estadual de Vacinação, afirmou que as datas da vacinação antecipada serão anunciadas “em breve”. Assim, embora tenham apontado a “boa notícia”, os representantes do Governo frustaram a audiência ao não especificar as datas de cada faixa etária.

O governador, entretanto, insinuou que vai anunciar, inclusive datas ou previsões para crianças e adolescentes.

Ela apontou que 14,6% da população no Estado já completou seu esquema vacinal, mas ponderou que muitas pessoas ainda não voltaram para sua segunda dose, embora já tenham chegado à data prevista.

Comércio

A secretária de Desenvolvimento Econômico, Patrícia Ellen, apontou que o comércio poderá por duas horas a mais, mas ressalvou que em bares e restaurantes pedidos só podem ser aceitos até 22h, para que haja tempo de consumo, quitação de conta e os restaurantes efetivamente fechem às 23h.

As mudanças valem a partir já dessa sexta, 9h, exceto nas cidades em que as Prefeituras estabelecerem medidas mais restritivas por conta de índices da pandemia ainda não tão positivos.

Ao mesmo tempo, anunciou que o Toque de Recolher, entre 23h e 05h, está mantido. A Prefeitura ainda não informou se o rodízio será mantido nesse período noturno ou voltará a valer durante o dia.

Advertisement
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2021 Jornal São Paulo Zona Sul - Todos os Direitos Reservados