Siga-nos

Esporte

Governador visitou obras do Centro Paralímpico Brasileiro

Publicado

em

A obra é resultado de uma parceria entre Governo do Estado de São Paulo e Governo Federal, através do Ministério dos Esportes. E a promessa é de que se tornará o principal legado das Olimpíadas no Rio de Janeiro para o esporte paralímpico de alto rendimento. Localizado no Jabaquara, o futuro Centro Paralímpico está quase concluído e recebeu esta semana a visita do governador Geraldo Alckmin.
“Um complexo dessa dimensão vem ao encontro de São Paulo, como uma cidade mundial para sediar grandes eventos esportivos”, afirmou o governador Geraldo Alckmin durante visita, alegando que o empreendimento está com 92% das obras concluídas. “O Centro Paraolímpico Brasileiro estará entre os cinco ou seis maiores e melhores do mundo”, acrescentou. O projeto arquitetônico segue o mesmo conceito de países considerados potência no esporte adaptado, como Ucrânia, China e Coreia do Sul.
Para a construção, foram investidos R$ 120 milhões por parte do Governo do Estado, que também cedeu o terreno, enquanto o governo federal investiu R$ 169 milhões. Hoje, aproximadamente 1,3 mil pessoas trabalham initerruptamente para a finalização das obras. De acordo com o Governo, o processo de construção atendeu as premissas da preservação ambiental da vegetação do Parque do Ipiranga, onde ficará sediado o empreendimento.
O novo complexo ocupará uma área total de 94 mil m2, junto à Rodovia dos Imigrantes, no Parque do Estado. Abrigará 15 modalidades esportivas paraolímpicas, além de alojamento para 280 pessoas, pista de atletismo indoor, um centro de medicina e ciências do esporte, academia, vestiários e ambientes de apoio. “Nas últimas Olimpíadas, o Brasil foi o sétimo do mundo na paraolimpíada. Se o chamado time São Paulo fosse um país seríamos o 8º do mundo”, destacou o governador.
O Jornal São Paulo Zona Sul vem questionando autoridades municipais, estaduais e federais quanto à acessibilidade ao local – seja em termos de trânsito, adequação de calçadas e equipamentos públicos, oferta de transporte público etc.

 

Em visita às obras, governador Geraldo Alckmin disse que o novo Centro Paralímpico está entre os maiores e melhores do mundo. Ele ainda garantiu que 92% das obras já estão concluídas

 

Advertisement
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

© 2022 Jornal São Paulo Zona Sul - Todos os Direitos Reservados