Siga-nos

Cultura

“Eu Moderno”: mostra no Lasar Segall

Publicado

em

eu moderno

Em busca de uma programação cultural adequada a qualquer idade, de qualidade e ainda gratuita? Uma ótima alternativa é conferir a mostra Moderno Eu, no Museu Lasar Segall. Vale destacar que o Museu ocupa o antigo atelier do artista Lasar Segall, lituano radicado no Brasil e um dos expoentes do movimento modernista brasileiro.

Com a exposição Moderno Eu o Museu Lasar Segall participa das celebrações em torno do centenário da Semana de Arte Moderna de 1922. Ainda que Segall não vivesse no país naquele ano, sua contribuição ao movimento de renovação estética no Brasil é notável, desde sua primeira passagem pelo país, em 1913, até as diversas ocasiões em que, a partir de 1924, o artista se empenhou na aproximação da arte moderna com o público brasileiro.

Mais do que artista, Lasar Segall era militante da arte moderna. Durante os anos finais de sua formação na Alemanha ele atravessou um angustiante momento de redefinição de suas convicções e, pondo em risco a viabilidade material de sua carreira e mesmo sua reputação profissional, abandonou os princípios tradicionais que lhe foram transmitidos nas Academias de arte. A partir daquele momento, Segall construiu novas maneiras de expressão, acompanhando o movimento que empolgava os intelectuais jovens e que alterou a feição das exposições de arte, das coleções públicas e privadas. A transição foi bem-sucedida: o público alemão acolheu prontamente as obras realizadas sob essa nova perspectiva.

No Brasil da década de 1920, para onde Lasar Segall emigrou, a recepção ao modernismo era menos entusiasmada. Fora do pequeno círculo de intelectuais envolvidos com a sua promoção, aos quais ele logo se ligou, o modernismo era pouco compreendido.

Lasar Segall assumiu a tarefa de convencer o público brasileiro da necessidade e da legitimidade da arte moderna. Além de pintar, publicou textos na imprensa, realizou conferências e exposições e se uniu a outras pessoas que desejavam, como ele, promover a vertente moderna no Brasil. Nesta exposição, apresentamos alguns desses momentos por meio de uma seleção de obras, documentos e fotografias em que ainda estão presentes os vestígios do entusiasmo, das paixões e das lutas em torno da causa modernista.

Moderno Eu tem curadoria de Daniel Rincon Caires, Josiane Cavalcanti, Marcelo Monzani, Paulo Simões Pina, Pierina Camargo e Ricardo Fernandes

O Museu Lasar Segall fica na Rua Berta 111 – Vila Mariana. Tel 11 2159 0400. Aberto de  quarta a segunda, das 11h00 às 19h00. Conta com afé | Wi-Fi | Fraldário | Bicicletário.  Entrada gratuita. Site: mls.gov.br.

Advertisement
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

© 2022 Jornal São Paulo Zona Sul - Todos os Direitos Reservados