Siga-nos

Gastronomia

Dia da Pizza pede celebração com inspiração napolitana e vinho

Publicado

em

Desde 1985, São Paulo comemora o Dia da Pizza em 10 de julho. O que começou com um concurso de sabores mozarela e margherita, em 1985, ganhou tradição e trouxe ainda mais destaque a essa delícia que tem lugar garantido não só no paladar paulistano, mas no coração.

“A maioria das pessoas tem alguma história relacionada à pizza: momentos compartilhados com pessoas queridas, sabores intensos que lembram encontros familiares do passado, ou até remete a viagens muito especiais”, diz Edson Leite, proprietário da GattoFiga Pizza Bar, ele próprio um apaixonado pelas redondas há muitos anos.

“Criamos a GattoFiga com esse espírito, de poder proporcionar momentos especiais aos nossos clientes”, complementa Cida Montagner, que divide a direção da casa e que foi a criadora da decoração intimista, cheia de detalhes, com ambiente charmoso, luz baixa, aromas especiais e trilha sonora inspirada no jazz.

“Em junho, completamos dois anos de existência. Nunca esperávamos enfrentar uma pandemia, que representou diversos desafios, mas percebemos que nosso público é cativo, carinhosamente chamado por nós de ‘Gattos Lovers’, com massa de longa fermentação, recoberta por ingredientes selecionados e inspiração verdadeiramente italiana”, diz Edson Leite.

Efetivamente, mesmo nesses 15 meses de restrições, nossos clientes se mantiveram fiéis, pedindo em casa ou seguindo os protocolos para curtir as entradinhas, pizzas napolitanas e sobremesas especiais no salão da GattoFiga.

Agora, no inverno, as noites frias atraem muitos fãs da combinação pizzza e vinho, naquela casinha romântica na esquina das Ruas Luís Góis e Rosas, na divisa entre Vila Clementino e Mirandópolis.

Cada um dos sabores do cardápio têm seus defensores apaixonados, mas no inverno algumas coberturas são mais requisitadas.

É o caso das duas montagens que levam pancetta – a versão italiana do Bacon, bem mais macia e suculenta. A pizza Pancetta mescla  a pancetta artesanal com Mascarpone, Geleia de Pimenta Calabresa com Alho e Tomilho. Na versão Florença, a pancetta artesanal é acompanhada por Queijo Brie e Champignon.

Também é boa ideia apostar no sabor intenso dos embutidos. A pizza Catarina, por exemplo, leva linguiça artesanal blumenau desconstruída artesanalmente acompanhada de queijo Fior di Latte. E a Pepperoni, com azeitonas pretas e molho de tomate San Marzanno, é incrível pela qualidade do ingrediente principal.

A Quatro Formaggi da GattoFiga faz sucesso o ano todo, mas no inverno é ainda mais comum ser chamada à mesa. Leva Molho de tomate, Gorgonzola, Taleggio, Grana Padano e Fior di Latte.

Confira o cardápio completo em gattofiga.com. Vale destacar que além da carta de vinhos, a casa conta com cervejas especiais e drinks diversos, entre opções clássicas e autorais.

Fica na Rua Luís Gois, 1.625. Telefone/WhatsApp  (11) 5587-1360 – Esquina com Rua das Rosas. Nas redes sociais, siga @gattofigapizzabar.

 

Advertisement
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2021 Jornal São Paulo Zona Sul - Todos os Direitos Reservados