Jornal São Paulo Zona Sul

Começa segunda fase de campanha de vacinação gratuita contra o sarampo

Com medo de sair de casa ou frequentar unidades de saúde, muitas famílias têm deixado de aplicar vacinas, em especial nas crianças. A falta de imunização, entretanto, pode trazer várias doenças e inclusive levar à morte – ou seja, por medo de um víruos para o qual ainda não há vacina, muita gente está deixando de se proteger contra aquilo que já tem… E vale lembrar que muitas dessas doenças apresentaram surtos nos últimos anos. É o caso do sarampo.

A Secretaria Municipal da Saúde já está promovendo a 2ª etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo. A vacina é a tríplice viral (SCR) contra o Sarampo, Caxumba e Rubéola, voltada ao público de 6 meses a 49 anos de idade. A Campanha estende até o dia 31 de agosto em toda a cidade.

A estratégia será a vacinação indiscriminada para crianças de 1 ano a menores de 3 anos de idade, e para pessoas entre 15 a 49 anos de idade. Para os bebes de seis a 11 meses e população de 3 a 14 anos de idade, será preciso uma avaliação da situação vacinal da caderneta de vacinação pelo profissional da Unidade Básica de Saúde (UBS).
A primeira dose da vacina tríplice viral já é aplicada em crianças com 12 meses de idade, e a segunda dose é feita com a tetraviral (SCR+varicela) em crianças a partir de 15 meses.

Vale lembrar que a vacinação tríplice viral segue o calendário do Ministério da Saúde para as outras faixas etárias. Pessoas até 29 anos devem ter duas doses comprovadas e quem tem entre 30 e 59 anos, precisa ter pelo menos uma dose.

A primeira etapa da campanha aconteceu entre os dias 10/02 a 13/03/2020, foi para pessoas de 5 a 19 anos de idade. O Município de São Paulo (MSP), visando atingir um maior número de não vacinados (suscetíveis), ampliou a faixa etária para até 29 anos de idade, a vacinação nesta etapa foi seletiva, ou seja, só tomou vacina quem estava com esquema incompleto de vacinação. Do dia 10/02 até 13/03/2020, 306.799 pessoas, de 5 a 29 anos de idade, compareceram aos postos de vacinação ou tiveram a situação vacinal avaliada e, destes, 25.766 receberam a vacina tríplice viral .

A vacina está disponível em todas as Unidades Básicas de Saúde do Município (UBS) e pode ser consultada no Busca Saúde: http://buscasaude.prefeitura.sp.gov.br/.

Comentar

WhatsApp chat Receba as edições por WhatsApp!