Quando se trata de futuro, números impressionam… e assustam! Estima-se que 65% das crianças de hoje vão ter profissões que sequer existem hoje. E 75% das 500 maiores empresas da atualidade devem desaparecer em menos de 25 anos.

Esse futuro pode soar “incerto”, mas na verdade o que acontece é que a rapidez com que a tecnologia avança tem influenciado também na moda, nas tendências, nos interesses, na maneira como aproveitamos a vida ou até na difusão de informações, no uso da ciência e da medicina.

Como, então, fazer com que nossos filhos estejam prontos para esse cenário se ele ainda não existe? Se a escola tradicional continua sendo essencial para garantir conhecimentos básicos e “treinar” nosso cérebro para conciliar informações, outras formas de preparar nossos filhos estão surgindo para estimular mentes criativas e gerar novas aptidões. E todas elas estão relacionadas à tecnologia.

“Antigamente, os pais se preocupavam em oferecer cursos de idiomas ou música. Agora, a grande preocupação é em estimular a familiaridade que as crianças já têm com a tecnologia, capacitando-as para que possam trabalhar com estas ferramentas”, avalia Edison Takaesu, que dirige uma unidade Happy Code na Saúde.

Escola de tecnologia e inovação para crianças e adolescentes, A Happy Code tem cursos de desenvolvimento de games e aplicativos, robótica com drones e Dash&Dot, Modelagem e Animação, além de produção e edição de vídeos para o Youtube e o curso de MINECRAFT.

Nem precisa dizer que a garotada adora e rapidamente se envolve com o conteúdo. “O fato de as crianças demonstrarem alto grau de interesse nas aulas facilita o aprendizado da parte técnica, dos códigos, da viabilização de ideias que elas naturalmente têm”, aposta o diretor.

A unidade Saúde foi criada há pouco tempo e já desperta interesse na vizinhança. Ali, não tem papel. A garotada só trabalha online, com notebooks individuais e atividades baseadas em jogos e projetos, estimulando o raciocínio e a capacidade de criação de cada aluno.

No curso de games, por exemplo, alunos de 6 a 17 anos desenvolvem projetos de jogos em 2D, 3D e RPGs. Nas aulas, são estimuladas habilidades como criatividade, raciocínio lógico e resolução de problemas.

Outro curso de sucesso é inspirado em uma tendência universal do mundo tecnológico – os aplicativos. Crianças e adolescentes aprendem como desenvolver os apps e jogos para smartphones e tablets que estão revolucionando as formas de interação social na atualidade.

A moçada também tem adorado os cursos de Minecraft e Youtube. Muito mais conectados ao mundo dos vídeos online e canais temáticos, os jovens de hoje podem aprender as melhores práticas para começar um canal de sucesso, de forma rápida e divertida.

Para quem está curioso, basta agendar uma aula gratuita pelo telefone 5083-0970 ou Whats 97141-1012.

A unidade fica na Av. Onze de Junho, 229 – bem próximo do metrô Santa Cruz.

Compartilhe:

Comente essa matéria: