Siga-nos

Meio ambiente

Virada sustentável repensa a cidade

Publicado

em

O que é possível fazer para ter uma cidade mais humana?

No último fim de semana, dias 7, 8 e 9 de junho, mais de 600 eventos se espalharam por 150 diferentes pontos da cidade de São Paulo na Virada Sustentável. Promovida pelo terceiro ano consecutivo, a Virada não se resume, entretanto, a palestras, eventos e atividades físicas em espaços verdes que resistem em meio ao concreto. A proposta é promover iniciativas ou incentivar debates que resultem em ações concretas para modificar a cidade.

Uma bicicletada noturna, por exemplo, representou o incentivo ao uso desse meio de transporte ecológico e saudável, ao mesmo tempo em que se debatia a segurança dos ciclistas e se conscientizava os motoristas para que respeitem aqueles que optam pelo transporte sobre duas rodas sem motor.

Já na região da Rua Augusta, no centro da cidade, um grupo promoveu um piquenique à moda antiga, em que muitos dos participantes compareceram vestido com roupas da primeira metade do século passado. O passeio elegante, com toalhas espalhadas pelo asfalto frio, não tinha apenas o objetivo de promover o uso saudável do espaço público e a valorização de eventos de convivência em lugar do automóvel. Os organizadores também estavam reivindicando a instalação de um parque público na área verde existente na confluência da Augusta com a Caio Prado.

Na Vila Mariana, houve incentivo à produção de alimentos sem agrotóxicos em horta urbana. Muita gente, aliás, ainda nem descobriu que no bairro existe uma horta escola, na Rua Dr. Diogo de Faria, 609, esquina com Rua Botucatu. Nela, rotineiramente, são ministrados os cursos “Horta Escola: por uma cidade sustentável” e “Frutos da Terra”, que proporcionam aos participantes através de aulas práticas e teóricas lecionadas por profissionais capacitados, o conhecimento sobre o cultivo de hortaliças, vegetais, flores, produção de árvores nativas, espécies para paisagismo, minhocário e atividades agrícolas (informações: 3113-9629/ 3113-9683).

A Virada, em síntese, propõe que os moradores da cidade, individual ou coletivamente, proponham ações práticas para que a cidade se torne mais humana e menos agressiva ao meio ambiente. Qual a sua ideia? É possível acompanhar algumas ações na fan page do evento: www.facebook.com/viradasustentavel.

 

Em pleno asfalto da rua augusta, foi promovida a “terceira edição do
PIQUENIQUE à moda antiga” para reivindicar a criação de um parque municipal

Advertisement
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2021 Jornal São Paulo Zona Sul - Todos os Direitos Reservados