Jornal São Paulo Zona Sul

Temporal alagou região do Ipiranga e fez vítimas fatais

Foto: Marcelo Gonçalves/Sigmapress/Folhapress

Só às 9h24 da segunda,12, a região da Subprefeitura do Ipiranga saiu do estado de alerta, mas ainda assim permaneceu durante todo o dia em estado de atenção em função dos alagamentos na região, resultado das fortes chuvas que atingiram a região no domingo.

As chuvas deram uma trégua e, aos poucos, lentamente a drenagem vai dando vazão ao excessivo volume de chuva registrado desde as 18h de domingo, 11, segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE SP). As águas continuam baixando lentamente e o estado de atenção só foi suspenso ao meio dia.

Maior volume de precipitação das 19h00 até às 07h00 do domingo, 11, registrado pelas estações meteorológicas automáticas do CGE:

Jabaquara – 109,5mm

Vila Prudente – 103,3mm

Vila Mariana – 94,6mm

Sapopemba – 88,5mm

Ipiranga – 85,8mm

Mooca – 54,7mm

O Corpo de Bombeiros informou que em razão das chuvas entre 00h01 e 10h20 desta segunda-feira na Cidade-SP, 00h01 e 16h20 desta segunda-feira na Cidade-SP, totalizaram: 123 – Acionamentos de quedas de árvores; 94 – Desmoronamentos/Desabamentos; 740 – Enchentes e Alagamentos.

Além da região do Ipiranga, com transbordamento do córrego Ipiranga e Rio Tamanduateí, na região da Avenida do Estado, houve também situação de alagamentos em pontos da Marginal Tietê.

Foram registradas vítimas fatais ou em estado grave. Na Avenida do Estado, duas pessoas morreram afogadas.

Na Rua Caiçara, 100 em Ribeirão Pires foram confirmadas quatro vítimas em Ribeirão Pires: duas  em óbito, terceira que foi transportada pelo SAMU e a quarta que ainda está sendo procurada pelos homens do Corpo de Bombeiros.

Às 00h49 os bombeiros anunciaram que houve deslizamento de terra sobre residência pela Rua dos Cravos, 531 – São Rafael. com 4 vítimas empenhadas: três vítimas sendo mãe e duas crianças e uma criança em estado grave encaminhada ao PS. Sapopemba.

Pouco antes das 16h que a criança que foi Socorrida ao PS Sapopemba, foi transferida ao PS Vila Alpina e encontra-se na UTI. Já foram confirmadas 12 mortes e 6 feridos.

Veja também: saiba como fazer doações aos
desabrigados da região do Ipiranga

A Linha 10 da CPTM está paralisada, por conta de vários pontos de alagamento ao longo dos trilhos, e não há previsão de normalização dos serviços. Nem o sistema PAESE (ônibus que, em situações de emergência fazem o percurso das linhas de trem e metrô interrompidas) está funcionando.

Veja também: rodízio está suspenso
nessa segunda por causa dos alagamentos

Falta de energia

A Enel, concessionária de fornecimento de energia, informou que devido às fortes chuvas que atingiram, ontem à noite, o ABC Paulista, duas subestações da companhia foram alagadas, impactando o fornecimento de energia para os bairros Rudge Ramos, Sacomã, São João Clímaco e a cidade de São Caetano do Sul. Por meio de manobras na rede, mais de 80% dos clientes já foram restabelecidos. Equipes da concessionária seguem trabalhando na drenagem da água, limpeza do local e restabelecimento dos clientes.

Para entrar em contato, acesse a Agência Virtual (www.eneldistribuicaosp.com.br), ligue para o 0800 72 72 120, baixe o APP ou envie um SMS para 27373.

Veja mais: Prefeito cancela licença e volta ao cargo

TENDÊNCIA PARA OS PRÓXIMOS DIAS:

De acordo com o CGE, os próximos dias devem ser marcados por chuvas na forma de pancadas principalmente nos finais de tarde e elevação das temperaturas a partir da terça-feira (12).

A terça-feira (12) terá sol entre nuvens pela manhã e sensação de tempo abafado. No período da manhã são esperadas pancadas isoladas de chuva e que voltam a se intensificar entre a tarde e o início da noite com forte intensidade em alguns momentos. Portanto, o risco de transbordamento de rios e córregos permanece, bem como a formação de alagamentos intransitáveis e deslizamentos de terra em áreas de risco. Temperatura mínima de 18°C e máxima de 27°C, com taxas de umidade do ar acima dos 65%.

Na quarta-feira (13), o cenário não muda muito. Madrugada com termômetros na casa dos 19°C e amanhecer com céu nublado. As chuvas previstas devem ocorrer entre o meio da tarde e o início da noite, com pancadas de forte intensidade. A umidade do ar permanece alta com os menores índices acima dos 60%.

 

Comentar

WhatsApp chat Receba as edições por WhatsApp!