Jornal São Paulo Zona Sul

Prefeitura espalha cruzes na avenida 23 de maio em ação de conscientização do Movimento pela Vida Segura no Trânsito

A Prefeitura de São Paulo promove nesta sexta-feira (6/12) mais uma ação de impacto do Movimento pela Vida Segura no Trânsito, lançada há uma semana pela administração municipal. A avenida 23 de Maio, uma das principais vias de ligação da cidade, amanhecerá com 849 cruzes no canteiro central, em referência ao número de vítimas fatais em acidentes de trânsito em 2018.

As cruzes estarão voltadas para os dois sentidos do Corredor Norte-Sul, em um trecho de aproximadamente 900 metros entre o viaduto Pedroso e o Monumento dos 80 Anos da Imigração Japonesa. Seis painéis de mensagens variáveis – três em cada sentido da via – vão exibir os dizeres “849 Vítimas Fatais. Hoje Não – Movimento Vida Segura no Trânsito”.

A iniciativa se soma às ações de mobilização promovidas pela Prefeitura ao longo da semana, como a instalação de bandeiras brancas em monumentos e pontos relevantes da cidade e a colocação do símbolo da campanha em 1.000 táxis, buscando a conscientização da população.

Campanha para motociclistas

No final de semana, a Prefeitura lança a nova fase do Movimento pela Vida Segura no Trânsito, com a estreia de uma campanha voltada aos motociclistas. Em 2018, o número de óbitos desses condutores em acidentes, pela primeira vez, ultrapassou a quantidade de pedestres que morreram atropelados em São Paulo. Foram 366 vítimas fatais que estavam em motos, ante 349 pessoas a pé.

A fase de proteção aos motociclistas contará com filmes para televisão e spots de rádio, com 30 segundos cada um. O roteiro narra, na perspectiva de uma mãe, a morte de um jovem em um acidente sofrido após exceder o limite de velocidade na moto. Ela lamenta a perda do filho e finaliza com um apelo para que todos os motociclistas respeitem as leis de trânsito, conduzindo na velocidade regulamentada. O impacto de se trabalhar o tema “mães” foi avaliado com um grupo focal de motociclistas, que aprovaram a utilização desse conceito para conscientizar os condutores.

Também haverá conteúdo para internet e peças para o mobiliário urbano. O anúncio nos abrigos de ônibus terá a foto de um personagem real, que perdeu a perna em um acidente de moto.

Sobre o Movimento pela Vida Segura no Trânsito

A Prefeitura de São Paulo está promovendo um movimento de conscientização sobre segurança viária, com o objetivo de mobilizar e engajar a população nos esforços para a redução do número de mortes e acidentes no trânsito. Ao longo de 2018, a capital paulista registrou 849 vítimas fatais no trânsito.

A ação, que envolve a Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes (SMT), a Secretaria do Governo Municipal (SGM) e a Secretaria Especial de Comunicação (Secom), tem como mensagem principal o slogan “Hoje Não: um Movimento pela Vida Segura no Trânsito”, baseada no Plano de Segurança Viária – Vida Segura.

A campanha será dividida em três fases. A primeira delas é de mobilização, iniciada no dia 29/11 até 06/ 12.  Neste período, a Prefeitura de São Paulo instalou bandeiras brancas em pontos relevantes da cidade para chamar atenção para o assunto e engajar a população para mudar o seu comportamento no trânsito. A terceira fase, voltada para pedestres, está prevista para março de 2020. A campanha se estende até junho de 2020.

Comentar

WhatsApp chat Receba as edições por WhatsApp!