Siga-nos

Segurança

Polícia Federal apreende dois milhões de dólares em imóvel na Vila Mariana

Publicado

em

A maior apreensão em dinheiro na história da Polícia Federal aconteceu essa semana, com a Operação Alba Vírus. No total, foram 7,1 milhões de dólares e 450 mil reais. Desse total, dois milhões de dõlares e total em reais estavam em um imóvel na Vila Mariana.

A Operação aconteceu simultaneamente em vários endereços por todo o país e tinha como objetivo desmantelar uma organização criminosa voltada ao tráfico internacional de entorpecentes, realizado por meio do modal marítimo.

Aproximadamente 180 policiais federais deram cumprimento a 42 mandados de busca e apreensão e 18 mandados de prisão temporária, expedidos pela 5ª Vara Federal de Santos, e decretado o sequestro de mais R$ 23 milhões em imóveis. Os mandados foram cumpridos nos estados de São Paulo (São Paulo, Santos e Guarujá), Santa Catarina (Itajaí, Balneário Camboriú), Mato Grosso do Sul (Campo Grande) e Bahia (Salvador).

Após uma prisão em flagrante realizada no Guarujá, no dia 20 de fevereiro de 2019, a PF identificou diversos integrantes da ORCRIM, bem como diversos bens móveis e imóveis adquiridos com o proveito da prática criminosa.

Com a análise dos celulares apreendidos, os policiais encontraram diversos vídeos nos quais os protagonistas aparecem ocultando grandes quantidades de cocaína em meio a cargas lícitas, em contêineres que embarcaram em navios com destino à Europa, que indicam que o grupo teria sido responsável pela remessa de mais de 6 toneladas de cocaína. Foram identificados, ainda, diversos integrantes que atuam na aquisição e ocultação dos bens adquiridos com o proveito do crime.

A operação foi batizada de ALBA VIRUS, em latim, que significa vírus ou veneno branco, fazendo referência à cocaína, substância entorpecente objeto do tráfico internacional praticado pela organização criminosa.

Aos investigados, estão sendo imputados os crimes de organização criminosa, tráfico internacional de entorpecente e associação para o tráfico, sem prejuízo de eventuais outras implicações penais que possam surgir com o descortinar das investigações.

Advertisement
1 Comentário

1 Comentário

  1. Cleide Amadio dos Santos

    1 de setembro de 2019 at 17:27

    Parabéns Polícia Federal!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2020 Jornal São Paulo Zona Sul - Todos os Direitos Reservados