Siga-nos

Cultura

Pernabucano Otto é uma das atrações no Sesc Vila Mariana em janeiro

Publicado

em

Cantor se apresenta no teatro no próximo fim de semana e ingressos já estão à venda

O cantor e percussionista pernambucano Otto estará no palco do SESC Vila Mariana no próximo fim de semana. Os shows, que contarão com as participações especiais dos cantores Junio Barreto (dia 15) e Lirinha (dia 16), fazem parte da turnê que divulga seu mais recente álbum, “Certa Manhã Acordei de Sonhos Intranquilos”.

Ele vai tocar músicas de seu último CD, de sua autoria, como “Lágrimas Negras”, “Meu mundo dança”, “Saudade” e a “Naquela mesa”, clássico de Sérgio Bittencourt. O CD foi lançado nos EUA e rendeu crítica elogiosa do repórter Larry Rohtter, do jornal New York Times. Com o título “Brazilian, but with a different beat”, o texto da matéria trata Otto como dono de um talento único pelo e recomenda o CD. “Transformação continua sendo a palavra-chave de Otto. Ele amadureceu, viajou e leu bastante. Foi exposto à novas influências e tornou sua rede mais ampla. Tanto que a música eletrônica agora é apenas um dos ingredientes de seu abrangente repertório”, escreveu Rohtter.

No palco do Sesc ele estará acompanhado de Catatau (guitarra), Pupillo (bateria e percussão) e Dengue (baixo).

Ex-percussionista da primeira formação da Nação Zumbi e do Mundo Livre S/A (com quem gravou os dois primeiros discos) nasceu em Belo Jardim, a 180 quilômetros da capital pernambucana, onde cresceu ouvindo cirandas nas festas populares na cidade. Saiu de Pernambuco em 1989 para passar dois anos na França, tocando percussão nas ruas e metrôs de Paris.

Na volta, trabalhou no Rio de Janeiro onde tocou Jovelina Pérola Negra. Do Rio, rumou para o Recife, quando conheceu dois líderes do movimento mangue beat: Chico Science e Fred 04. Pode-se dizer que seu estilo nasce do resultado dessa “viagem musical”. Sempre embalado pelo som de influências locais (não só de Recife como de todo o Brasil), começou a interessar-se pela música eletrônica. Resgatando ritmos brasileiros e fundindo-os ao som eletrônico, raiz e modernidade, lançou os álbuns “Samba pra Burro” (1998), “Changez Tout – Samba pra Burro Dissecado” (2000)  remix, “Condom Black” (2001), “Sem Gravidade” (2003), “MTV Apresenta Otto (2005)” e “Certa Manhã Acordei de Sonhos Intranqüilos” (2009).

Seus shows serão dia 15, às 21h, e domingo, às 18h.Ingressos: R$ 20,00 (inteira); R$ 10,00 (usuário inscrito no SESC e dependentes, +60 anos, estudantes e professores da rede pública de ensino) R$ 5,00 (comerciários e trabalhadores em empresas do comércio de bens, serviços e turismo). O Sesc Vila Mariana fica na Rua Pelotas, 141. Telefone: 5080-3000

 

Advertisement
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

© 2022 Jornal São Paulo Zona Sul - Todos os Direitos Reservados