Jornal São Paulo Zona Sul

Obra da Ciclovia Domingos de Morais parou?

Leitores sentiram falta da placa que indicava o início das obras para construção da Ciclovia na Rua Domingos de Moraes e fará a conexão entre as ciclovias Vergueiro e Jabaquara. Sentiram mais falta ainda de ver equipes trabalhando para viabilizar o projeto, prometido há tanto tempo pela Prefeitura.

O jornal São Paulo Zona Sul informou que houve medições e instalação de placa informando sobre a obra em janeiro – mas as equipes desapareceram e a placa também. Procurado, o Colégio Marista Arquidiocesano informou “que está em dia com as obrigações referentes às obras na Rua Domingos de Morais”.

O Colégio é responsável pela obra enquanto pólo gerador de tráfego na região. De acordo com a nota enviada pelo Colégio, “as marcações topográficas foram realizadas conforme o cronograma e terminaram no dia 16 de janeiro sendo aprovadas pela CET no dia 20”.

Agora, devem começar a ser instalados os tapumes e proteções em concreto que, ainda conforme as explicações do colégio, estão sendo confeccionados.

Estão prestes a começar as intervenções e atividades de pista com colocação das demais sinalizações necessárias. “Estima-se que o restante do projeto dure cerca de 100 dias dependendo das condições climáticas e demais intercorrências que podem impactar o andamento das atividades”, promete a loja.

Ampliação da rede

Também essa semana, a própria Prefeitura informou que, além da ciclovia Domingos de Morais, outras obras vão ampliar a malha cicloviária da cidade.

Começam a ser implantadas as conexões das ciclofaixas São Miguel, Engenheiro Caetano Álvares, Freire Cisneiro, Iapó, José Bernardo Pinto e da ciclovia Henrique Schaumann.

As novas estruturas farão a conexão de diversas ciclovias e ciclofaixas já existentes, representando uma expansão de 13,2 quilômetros da malha cicloviária da cidade.
Polos Geradores

Duas conexões de estruturas cicloviárias serão implantadas como parte de medidas previstas em Certidões de Diretrizes para regularização de Polos Geradores: a da prórpia Domingos de Morais e também a da Avenida Henrique Schaumann, em Pinheiros. A ciclovia na Avenida Henrique Schaumann, fará a ligação entre a ciclovia localizada na Avenida Paulo VI, em Pinheiros, até a Rua Guadelupe, na região do Jardim América. Também será possível acessar o Hospital das Clínicas pela Artur de Azevedo. A estrutura seguirá pelo canteiro central da Henrique Schaumann e Avenida Brasil, com extensão total de 1,5 quilômetro.

Já a estrutura na Rua Domingos de Morais terá 2 quilômetros de extensão e vai conectar a ciclofaixa existente na altura do Metrô Vila Mariana até a Alameda das Boninas. Serão implantadas as adequações geométricas necessárias e suas respectivas sinalizações. Quando concluída, conectará a região da Vila Mariana à região do Jabaquara.

Plano Cicloviário

O novo Plano Cicloviário da cidade de São Paulo prevê 173 quilômetros de novas conexões (integração da malha) e 310 quilômetros de reformas e melhorias em estruturas já existentes, sendo que 41 já foram entregues e outros 92 estão em obras. O projeto também prevê 12 quilômetros de remanejamentos, considerando as particularidades do viário, a segurança dos usuários e a fluidez no trânsito. A Prefeitura garante que nenhum quilômetro será retirado.

O investimento no Plano Cicloviário é de R$ 325 milhões, acompanhado de um projeto de recapeamento orçado em R$ 250 milhões. No total, a cidade passará dos atuais 503 quilômetros para 676 quilômetros de vias para ciclistas em 2020.

Entre as promessas, há novas pistas exclusivas para bikes previstas na rua Luís Góis, corredor formado pelas avenidas Prof. Abraão de Moraes/Ricardo Jafet, além de conexão da Avenida Bosque da Saúde com a ciclofaixa da Avenida Jabaquara.

Comentar

WhatsApp chat Receba as edições por WhatsApp!