Jornal São Paulo Zona Sul

Metrô termina obra e trânsito é liberado no viaduto Dante Delmanto

Na edição passada, o jornal SP Zona Sul destacou o atraso nas obras de readequação da estrutura do viaduto Dante Delmanto, no Jabaquara. Localizado entre as estações Conceição e Jabaquara, o viaduto pertence ao Metrô porque sob a pista para carros passam os trens da linha Azul.

Essa semana, o Metrô finalmente liberou a pista. Ainda há alguns itens de contenção junto à passagem de pedestres, mas as faixas de rolamento foram abertas ao tráfego de veículos.

O subprefeito do Jabaquara, Arnaldo Faria de Sá, procurou o São Paulo Zona Sul essa semana para indicar que, assim como o jornal, também estava cobrando do Metrô a finalização da obra. Ele enviou cópia de ofício enviado à empresa cobrando data oficial para finalização das obras.

As obras tiveram início em 2 de fevereiro, com a expectativa de durarem sete meses, mas já se estendiam por nove.

Foram feitas a substituição integral da pista de rolamento e passarelas laterais de pedestre, reforço de estruturas com fibra de carbono, além de serviços de impermeabilização e tratamento do concreto aparente.

Durante o período de obras, o trânsito, que já é normalmente complicado, em especial nos horários de rush, ficou ainda pior. Com a obra, as quatro faixas de rolamento, duas por mão de direção, foram reduzidas pela metade e a mão dupla mantida. O trânsito de pedestres foi mantido em todas as etapas da obra.

As obras de reforço estrutural chegaram a interditar faixas da Avenida Afonso D’Escragnole Taunay (continuidade da Avenida dos Bandeirantes).

Foram executadas também obras de tratamento e concretagem da pista, drenagem do viaduto e pintura das faixas de rolamento.
De acordo com o metrô, o atraso aconteceu porque “foram necessárias adequações na execução da obra, reprogramando a previsão inicial de liberação da pista”.

Várias alterações viárias foram implantadas durante o período de obras, como a implantação de um conjunto semafórico no cruzamento da Avenida Engenheiro Armando de Arruda Pereira com a Avenida Pedro Severino Junior e implantação de mão única de direção nesta avenida entre a Rua Caviana e a Avenida Engenheiro Armando de Arruda Pereira, nesse sentido.

Foi também proibido o estacionamento de veículos na Avenida Engenheiro Armando de Arruda Pereira, entre a Rua Guatapará e o Viaduto Jabaquara.

Comentar

WhatsApp chat Receba as edições por WhatsApp!