Siga-nos

Trânsito

Faixa exclusiva na 23 de maio será ampliada na segunda, 12

Publicado

em

Priorizar o transporte público é uma promessa antiga, que quase todo candidato a prefeito sempre fez – até mesmo os eleitos. Mas, o trânsito tem se tornado mais complexo a cada ano, com a popularização do carro: a frota na cidade já atinge 8 milhões de veículos. Como impedir que o trânsito trave? Construindo mais obras que incentivem o uso do carro em vez de estimular o uso do transporte público? O prefeito Fernando Haddad está apostando que não e, esta semana, enfrentou resistências ao implantar a faixa exclusiva de ônibus na Avenida 23 de Maio.

Diferente de outras similares já implantadas na cidade, a pista para os coletivos no corredor norte sul não funciona apenas no horário de pico, mas sim durante o dia todo, das 6h às 22h, de segunda a sexta.

O espaço prioritário foi implantado na via, no sentido sul, entre Av. 9 de Julho e o Viaduto Engenheiro Antônio de Carvalho Aguiar e, no sentido norte, entre a rua Dr. Luís F. Sobrinho e a Barão de Ijuí e no trecho entre Viaduto Jaceguai e 50 metros antes da rua Riachuelo.

A novidade integra os 10,4 km da segunda etapa da operação ‘Dá Licença Para o Ônibus’ no Corredor Norte-Sul. Este novo trecho tem como objetivo aumentar a velocidade de circulação do transporte coletivo entre o Túnel do Anhangabaú e a avenida Washington Luís. Percorre vias importantes da cidade, desde o Túnel Anhangabaú 200 metros após a avenida Jornalista Roberto Marinho, na região do Jabaquara. A pista exclusiva passa pelas avenidas 23 de Maio, Rubem Berta, Moreira Guimarães e Washington Luís, mas em alguns trechos o motorista pode estranhar que deixa de existir, mas é porque segue pela lateral Avenida Prof. Ascendino Reis.

Muitos moradores da região que usam o corredor para ir de um bairro a outro ou para chegar às regiões centrais da cidade reclamaram de aumento do trânsito. Mas o prefeito Fernando Haddad garantiu que não vai recuar e que a imagem do corredor vazio deve estimular os motoristas a deixarem o carro em suas garagens e passar a usar também o transporte público.

Estudo preliminar mostrou que a velocidade dos ônibus no trecho aumentou até 58,8% no sentido Centro, no pico da manhã, saltando de 15,16 km/h para 24,08 km/h. No sentido bairro, a velocidade média dos coletivos aumentou 30%, saindo de 17,32 km/h para 22,52 km/h. A maior rapidez beneficia mais de 460 mil passageiros por dia.

O Programa de Metas 2013-2016 prevê a implantação de 150 km de faixas exclusivas e 150 km de corredores de ônibus em quatro anos.

 

 

Advertisement
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

© 2022 Jornal São Paulo Zona Sul - Todos os Direitos Reservados