Siga-nos

Saúde

Estações de trem e metrô tem campanha de vacinação gratuita

Publicado

em

Evitar a contaminação por Covid é importante, mas é igualmente fundamental estar protegido quanto a outras doenças que podem comprometer nossa saúde e até levar à morte. Por isso, a carteirinha de vacinação tem que estar em dia. E, desde ontem, passageiros da EMTU e do sistema metroferroviário poderão tomar a vacina tríplice viral – contra o sarampo, caxumba e rubéola – em estações e terminais. Também haverá vacinação contra poliomielite.

Para receber a vacina é necessário que o passageiro tenha em mãos documento de identificação e carteira de vacinação.

Confira os postos montados e proteja-se:
CPTM – Ações de vacinação contra a Poliomielite 
Data: 14/10

Estação Guaianases

Horário: 9h00 às 17h00

Estação São Miguel

Horário: 9h00 às 17h00

Data: 15/10

– Estação Vila Aurora

Horário: 9h30 às 11h30

– Estação Dom Bosco

Horário: 9h00 às 17h00

– Estação Jardim Helena

Horário: 9h00 às 17h00

– Estação Itaim Paulista

Horário: 9h00 às 17h00

– Estação Sacomã

Horário: 9h00 às 13h00

Data: 16/10

– Estação Comendador Ermelino

Horário: 9h30 às 11h30

METRÔ – Tríplice viral – Para pessoas entre 6 meses a 49 anos

Data: 14/10 e 16/10

– Estação Corinthians – Itaquera

Horário: 9h00 às 17h00

ViaMobilidade – Tríplice viral – Para pessoas entre 20 a 49 anos

Datas: 09, 14 e 16 de outubro

– Estação Capão Redondo

Horário: 10h às 15h

ViaMobilidade – Ações de vacinação contra a Poliomielite

Data: 17/10

– Estação Capão Redondo

Horário: 10h às 15h

EMTU – Tríplice viral – Para pessoas entre 15 a 49 anos

– Terminal São Mateus

Data: 15 de outubro

Horário: 14h às 18h

– Terminal Diadema e Terminal Santo André

Data: 17/10

Horário: 09 às 15h

Conheça melhor as doenças:

Sarampo – Manchas vermelhas pelo corpo, febre e tosse, irritação nos olhos e falta de apetite são os principais sintomas da doença, extremamente contagiosa e comum na infância. Dados do Ministério da Saúde mostram que, somente neste ano, 688 casos de sarampo foram notificados no estado de São Paulo.

Caxumba – Os principais sintomas da doença são: febre, dor na face, fraqueza e aumento do volume das glândulas salivares. Ela também pode provocar dor no corpo e na cabeça.

Rubéola – Febre baixa, surgimento de gânglios linfáticos e de manchas vermelhas, que se espalham primeiro pelo rosto e depois pelo resto do corpo são os principais sintomas. A rubéola é comumente confundida com outras doenças, pois sintomas como dores de garganta e de cabeça são comuns a outras infecções, dificultando seu diagnóstico.

Poliomielite – Febre, mal-estar, dor de cabeça, de garganta e no corpo, vômitos, diarreia, constipação (prisão de ventre), espasmos, rigidez na nuca e até mesmo meningite são os sintomas mais frequentes. Nas formas mais graves pode haver a flacidez muscular, que afeta, um dos membros inferiores.
Advertisement
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2020 Jornal São Paulo Zona Sul - Todos os Direitos Reservados