Jornal São Paulo Zona Sul

Eleitos pelos paulistas foram diplomados

Os candidatos eleitos pela população paulista em 2018 foram diplomados em dezembro, em cerimônia realizada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE/SP) na Sala São Paulo. Foram diplomados deputados estaduais, federais, dois senadores, governador e vice.

Conforme explicou o desembargador Carlos Eduardo Cauduro Padin, presidente do TRE/SP: “A diplomação certifica a eleição do candidato e autoriza sua posse. É o coroamento do processo eleitoral”.

Os deputados estaduais diplomados na solenidade foram (por ordem decrescente de votos no partido):

– coligação PSDB/PSD/DEM/PP/PRB (27 eleitos): Cauê Macris, Analice Fernandes, Carla Morando, Cezar, Carlão Pignatari, Maria Lúcia Amary, Marcos Zerbini e Mauro Bragato (PSDB); Arthur Mamãe Falei, Edmir Chedid, Daniel Soares, Rogério Nogueira, Rodrigo Moraes e Estevam Galvão (DEM); Coronel Telhada, Delegado Olim, Professor Kenny e Conte Lopes (PP); Jorge Wilson Xerife do Consumidor, Altair Moraes, Edna Macedo, Gilmaci Santos, Wellington Moura e Sebastião Santos (PRB); Alex de Madureira e Marta Costa (PSD);

– PSL (15 eleitos): Janaina Paschoal, Gil Diniz, Major Mecca, Delegado Bruno Lima, Rodrigo Gambale, Douglas Garcia, Leticia Aguiar, Valeria Bolsonaro, Tenente Nascimento, Agente Federal Danilo Balas, Castelo Branco, Adalberto Freitas, Frederico d”Avila, Tenente Coimbra e Coronel Nishikawa;

– coligação PSB/PSC/PPS/PTB/PV (13 eleitos): Caio França, Carlos Cezar, Barros Munhoz, Rafa Zimbaldi, Rafael Silva, Roberto Engler, Vinicius Camarinha e Ed Thomas (PSB); Reinaldo Alguz (PV); Campos Machado e Roque Barbieri (PTB); Fernando Cury e Roberto Morais (PPS);

– PT (10 eleitos): Teonilio Barba, Professora Bebel, Luiz Fernando T. Ferreira, Enio Tatto, Paulo Fiorilo, Emídio de Souza, Márcia Lia, Beth Sahão, José Américo e Dr Jorge do Carmo;

– PR (6 eleitos): André do Prado, Marcos Damasio, Dalben, Ricardo Madalena, Thiago Aurichio e Delegada Graciela;

– coligação PSOL/PCB (4 eleitos): Carlos Giannazi, Monica da Bancada Ativista, Érica Malunguinho da Silva e Isa Penna (todos do PSOL);

– NOVO (4 eleitos): Daniel José, Heni Ozi Cukier, Sergio Victor e Ricardo Mellão;

-PODE (4 eleitos): Bruno Ganem, Ataíde Teruel, Marcio da Farmácia e Aprígio;

– MDB (3 eleitos): Jorge Caruso, Itamar Borges e Léo Oliveira;

– partidos com eleitos únicos: Dra Damaris Moura (PHS), Paulo Correa Jr (PATRI), Adriana Borgo (PROS), Marcio Nakashima (PDT), Leci Brandão (PCdoB), Alexandre Pereira (SD), Sargento Neri (AVANTE) e Marina Helou (REDE).

Federal

O senadores eleitos Major Olímpio (PSL) e Mara Gabrilli (PSDB) foram diplomados com seus suplentes ” Alexandre Giordano e Marcos Pontes; Alfredo Cotait Neto e Ivani Perrone Boscolo, respectivamente. O governador eleito João Doria (PSDB) e o vice Rodrigo Garcia (DEM) também receberam seus diplomas.

“A diplomação encerra um ciclo bastante amplo. São 34 milhões de eleitores no Estado de São Paulo ” 9 milhões só na capital “, distribuídos em 393 zonas eleitorais, em 645 municípios, com 114 mil urnas eletrônicas”, quantificou Padin. Para ele, em 2018 o processo foi singular: “Com a interferência das redes sociais, formou-se um cenário completamente diferente. Essas eleições marcaram a história”.

Conforme informado durante a cerimônia, os eleitos que não puderam comparecer poderão solicitar sua diplomação por meio eletrônico, em link disponível no site do TRE.

Comentar

WhatsApp chat Receba as edições por WhatsApp!