Jornal São Paulo Zona Sul

Cinemateca terá abraçaço na próxima terça, 14 de julho

Na próxima terça, dia 14, uma nova manifestação de apoio à Cinemateca vai acontecer. O Abraçaço vai contar com projeção de Laser por Paulo Fluxuz e o objetivo, claro, é chamar a atenção para o abandono desse que é um espaço de cultura, história e arquitetura…

A Cinemateca abriga o maior acervo audiovisual do Brasil e um dos maiores do mundo, reúne a história brasileira de cinema e vídeo, tem em seu acervo raridades como todo o material da antiga TV Tupi e promove festivais, apresentações em salas e ao ar livre, eventos temáticos…

Além disso, a Cinemateca está sediada em um prédio que é patrimônio histórico brasileiro e que resgata a história da Vila Mariana, bairro onde está sediada, e da capital paulista.

O espaço corre risco porque o Governo Federal não tem repassado recursos e ameaça fechar o espaço. O presidente Jair Bolsonaro havia prometido nomear Regina Duarte, ex-scretária de Cultura, para administrar o espaço, mas o cargo sequer existe e não há qualquer indício de que essa ou outra mudança acontecerá.

O abraçaço acontece das 16h às 19 horas para protestar “contra a irresponsabilidade do governo federal diante do risco eminente de um desastre na Cinemateca Brasileira”. Os organizadores lembram que os participantes deverão usar máscaras e respeitar distância segura. A Cinemateca fica no Largo Senador Raul Cardoso, 207.

Comentar

WhatsApp chat Receba as edições por WhatsApp!