Siga-nos

Transporte

Cai o número de veículos que faz inspeção ambiental. Multa é de R$ 500

Publicado

em

Tem caído o número de veículos que passam pela inspeção veicular ambiental na cidade de São Paulo. Os índices não atingem nem 70% do total que deveria ter passado pela vistoria, que é obrigatória.

Até o fim do mês passado, os percentuais dos automóveis que passaram pela inspeção variaram de 65,37% para os carros de final de placa 1 até  46,03% para os carros de final de placa 8. Já os índices de reprovação na primeira inspeção variaram de 23,03% para os carros de final de placa 1 até 16,84%  para os carros de final de placa 8.

No caso das motos, a inspeção veicular ambiental registrou percentuais de comparecimento que variaram de 46,70% da frota esperada para as motos de final de placa 1 até 27,35% para as motos de final de placa 8. A reprovação na primeira inspeção variou de 27,45% para as motos de final de placa 1 até 26,42%  para as motos de final de placa 8.

Entre os veículos leves movidos a diesel a variação dos percentuais foi de 65,65% para os veículos de placa final 1 até 44% da frota dos veículos final de placa 8.  Na primeira vistoria os índices de reprovação variaram de 38,69% para veículos final de placa 1 até 40,78% para veículos de final de placa 8.

Todos os veículos com finais de placas 9 e 0 estão com o agendamento liberado para realizar a inspeção, sendo que os de final de placa 9 têm seu prazo limite em 30 de novembro. Já os veículos com final de placa 0 têm até o dia 30 de dezembro, para passar pelo procedimento, conforme o calendário de licenciamento e da inspeção veicular ambiental.

De fevereiro a outubro desse ano, já passaram pela inspeção um total de 2.258.224 veículos (levando em consideração todas as placas e tipos de combustível).

Prazo  

Os veículos que não realizaram a inspeção veicular dentro do prazo, estão sujeitos à multa de R$ 550 se forem parados em blitze, além de estarem com o licenciamento bloqueado. Para regularizar a situação, basta pagar a tarifa de R$ 56,44 e agendar a inspeção no site www.controlar.com.br

Tarifas

Em 2010, a tarifa cobrada para a realização da inspeção veicular é de R$ 56,44 e, diferentemente do que ocorreu no ano passado, o valor não será reembolsado ao proprietário. Quem não realizar a inspeção no prazo em 2010, da mesma forma que aconteceu em 2009 estará sujeito a multa de R$ 550,00 e terá seu licenciamento bloqueado.

Quem não realizou a inspeção em 2009 (ano passado a inspeção era obrigatória para toda a frota a diesel registrada na cidade, toda a frota de motos e automóveis registrados entre os anos de 2003 e 2008) terá que pagar, para realizar a inspeção em 2010, R$ 100,62 (R$ 44,18 para efetuar o desbloqueio da inspeção de seu veículo, além da tarifa da inspeção de 2010 – R$ 56,44). 

O proprietário do veiculo deverá acessar o site da concessionária (www.controlar.com.br), e durante o processo de agendamento o sistema identificará a situação irregular e direcionará o proprietário para o procedimento adequado. Serão emitidas duas guias – do desbloqueio da inspeção veicular e do agendamento 2010 -, e ambas deverão ser pagas para realizar a Inspeção Veicular exercício 2010.

Advertisement
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2021 Jornal São Paulo Zona Sul - Todos os Direitos Reservados