Praticar atividades que reúnam trabalho corporal e mental, em um ambiente altamente conectado com a natureza. Gratuitamente. Muita gente não sabe, mas no Parque do Ibirapuera isso é possível. As aulas de Tai Chi Chuan acontecem ali, todas as segundas e sextas feiras, 10h30, abertas à população sem necessidade de pagamento de taxas ou sequer inscrição prévia. Basta comparecer com vontade e participar.

Na próxima segunda, 23, uma atividade especial pode estimular especialmente os novatos. A aula “Educação Ambiental com Tai Chi”  vai articular o Tai Chi Pai Lin como prática milenar de união e equilíbrio do homem com a Natureza. Os temas da Educação Ambiental e os valores da Cultura de Paz serão o foco desse encontro, que deverá se repetir mensalmente e nortear a atividade física e a reflexão do grupo.  De acordo com a pgoramação, a prática terá como foco o conhecimento milenar dos sábios taoístas sobre a relação do ser humano com a Natureza e as práticas de Tai Chi elaboradas para promover esse equilíbrio micro macrocósmico que podem ser considerados recursos de fundamental importância nas ações sobre sustentabilidade e qualidade de vida.

A vivência da prática do Tai Chi conduzida por Maria Cristina Leite inicia o encontro. Na segunda parte, a proposta é abordar a observação e reconhecimento dos diversos tipos e características de nuvens e, desta forma, aprender a interpretar situações do tempo. Essa atividade será conduzida por Luis Carlos Torelli profissional da Escola Municipal de Astrofísica e Planetário – UMAPAZ.

As atividades acontecem na sede da UMAPAZ – Parque Ibirapuera, com entrada pela Av. Quarto Centenário, 1268 Pedestres: Portão 7A Estacionamento: Espaço da Serraria – Av. República do Líbano, s/nº. Acesso pelo portão 7

Compartilhe:

Comente essa matéria: