Os prazos e promessas vêm caindo um após o outro, no que se refere às inaugurações de novas estações na Linha 5 – Lilás, do metrô, que vai interligar Santo Amaro à Vila Mariana quando concluída. A obra também representa a interligação, 20 anos do início das obras da linha lilás, com a  malha metroviária, nas estações Santa Cruz (Linha Azul) e Chácara Klabin (Linha Verde).

Em dezembro, deveriam ter sido inauguradas várias paradas, mas o Metrô anunciou novo cronograma, adiando para janeiro a inauguração da parada Eucaliptos, em frente ao Shopping Ibirapuera, fevereiro as estações AACD-Servidor, Moema e Hospital São Paulo, e abril para as estações de interligação – Santa Cruz e Chácara Klabin.

Agora, em entrevista à rede Globo, o secretário dos Transportes Metropolitanos, Clodoaldo Pelissioni, confirmou o que os paulistanos já sabiam, por acompanhar o andamento dos trabalhos: nem a Eucaliptos, nem as outras três paradas previstas para estes dois primeiros meses serão inauguradas até o último dia de fevereiro.

Na página oficial do metrô no Facebook, a empresa já vinha avisando que as inaugurações ocorreriam de forma paulatina no primeiro semestre de 2018, sem datas.

Segundo Pelissioni, as estações “devem” ser inauguradas ainda em março, mas talvez no início de abril. Garante ainda que está mantido o cronograma que prevê a interligação com as linhas Azul e Verde para abril.

Vale destacar que abril é o mês em que o governador Geraldo Alckmin deve se descompatibilizar, ou seja, deixar o cargo para disputar o cargo de presidente da República nas eleições deste ano, em outubro.

Certamente é a interligação que interessa mais aos usuários do sistema. Moradores da Vila Mariana, Jabaquara, Saúde, Ipiranga e outros bairros próximos terão facilitado o acesso aos parques, hospitais e comércio da região de Moema com as novas conexões.

Compartilhe:

Comente essa matéria: