Jornal São Paulo Zona Sul

Jabaquara tem cursinho grátis

Em menos de dois dias, o Cursinho Popular Construção, no Jabaquara, conseguiu atrair dezenas de interessados em dar aulas gratuitas em um cursinho popular. E o convite para o trabalho voluntário foi encerrado poucas horas depois de ter sido åaberto.

Mas, continua aberto outro convite: para que estudantes sem recursos para pagar um cursinho tradicional se inscrevam e se preparem para o ENEM 2018.

O Cursinho Construção funciona na na Escola Estadual Dr. Ângelo Mendes de Almeida, que fica a 5 minutos da estação Jabaquara do metrô (R. Apacê, 1 – Jd Oriental).

As aulas – totalmente gratuitas – vão acontecer aos sábados, manhã e tarde, sempre com educadores que tenham disponibilidade e desejo de dar aulas em caráter voluntário uma vez a cada duas semanas, por cerca de duas horas.

Para auxiliar no roteiro de estudos de educandos/as, o Cursinho Popular Construção também disponibiliza um material didático concebido especialmente para uma grade de aulas aos sábados, tendo como foco um bom desempenho no Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem.

O Cursinho Popular Construção ainda promete uma abordagem diferente, que promove a autonomia e o pensamento crítico. Isso significa que educadores e alunos vão ter participação ativa na definição dos rumos do cursinho, o que deverá se traduzir na organização de atividades pedagógicas alternativas, rodas de debate e visitas a marcos de São Paulo. Para participar, é preciso preencher apenas o formulário de inscrição.

E Para mais detalhes sobre como o cursinho funciona, leia o edital de matrícula.

Marielle

Um dos exemplos de sucesso em formação por cursinho popular é o da vereadora Marielle Franco, que estudou em entidade similar em sua comunidade de origem, a Maré, na capital fluminense. Essa semana, Marielle foi assassinada no Rio e transformou-se em ícone de participação popular.

Sua voz está se espalhando pelo mundo, num misto de indignação pelo crime que tirou sua vida e admiração pela inteligência e habilidade em transmitir suas ideias. Socióloga formada por bolsa integral na PUC Rio, ela também fez mestrado em Administração Pública na Universidade Federal Fluminense. Foi eleita em 2016 com quase 50 mil votos, a quinta maior votação da cidade, pelo PSOL das mais votadas nas últimas eleições no Rio de Janeiro, era socióloga

Comentar

WhatsApp chat Receba as edições por WhatsApp!