Jornal São Paulo Zona Sul

Vila Mariana: Alckmin veta mudança de nome da estação

Em 2008, a população do Jabaquara se revoltou: um projeto de lei pretendia alterar o nome da estação terminal da linha Azul do metrô para homenagear o Santos Futebol Clube – a parada passaria a se chamar Santos Jabaquara. Houve reuniões, protestos, abaixo-assinados, reuniões com os autores do projeto… A alegação era de que descaraterizaria uma das mais antigas estações de metrô com uma homenagem em nada a ela relacionada. O protesto funcionou e a homenagem acabou sendo feita na estação Imigrantes, mais nova e com nome já não relacionado diretamente ao bairro.

No final de 2016, história similar aconteceu: um projeto de lei pretendia alterar o nome da estação Vila Mariana do metrô para homenagear um pastor recém falecido da Igreja Batista de Vila Mariana. A parada passaria a se chamar “Estação Enéas Tognini – Vila Mariana”.

Nas redes sociais e na internet, a reação da população foi imediata. Uma petição online atingiu mais de 25 mil assinaturas de pessoas contrárias à alteração. Muitos internautas fizeram pesadas críticas à proposta.
Apesar de aprovado pela Assembleia Legislativa, o projeto de autoria do deputado Andre Soares (DEM) não se concretizou em lei por conta de veto do Governador Geraldo Alckmin.

No veto, o governador apontou a relevância de Enéas Tognini, mas alegou que a proposta parlamentar contraria a Constituição Estadual, no seu artigo 47, incisos II e XIV. E ressaltou que a definição da nomenclatura de estações e de pátios de manutenção do metrô seguem conceitos e critérios que consideram referências urbanas preexistentes e a opinião pública.

O governador ainda apontou que a mudança traria confusão aos usuários e custos ao metrô, por conta da substituição de toda comunicação visual do metrô e região de entorno.. Segundo estimativas do metrô, passam pela estação mais de 20 mil passageiros diariamente.

Os deputados estaduais ainda podem derrubar o veto do governador e garantir a mudança de nome da estação. Mas, considera-se a hipótese pouco provável por conta da reação pública na internet.

Além disso, o governador decidiu prestar homenagem ao falecido pastor rebatizando a Fatec (Faculdade de Tecnologia) Ipiranga com o nome de Enéas Tognini.

A estação Vila Mariana, assim como a do Jabaquara, é uma das mais antigas da cidade. O primeiro trecho a funcionar foi entre as estações Jabaquara e Vila Mariana, em 14 de setembro de 1974.

Foto 4

Comentar

Teste

WhatsApp chat Receba as edições por WhatsApp!